Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -100,000% 0 pts
Ibovespa -0,284% 85.135 pts
Dólar R$ 3,315
Euro -100,000% 0 pts
Veja Mais

Dados da China e Banco da Inglaterra derrubam mercados nesta manhã

Dados da China e Banco da Inglaterra derrubam mercados nesta manhã
(Shutterstock)

Mercados futuros americanos também apontam para uma abertura mais fraca neste dia

SÃO PAULO – Os mercados mundiais iniciam essa quinta-feira (14) com desempenho mais negativo mais uma vez, principalmente por conta de dados econômicos mais fracos da China e a possibilidade de uma política de juros mais agressiva na Inglaterra. Confira, a seguir, a Volta ao Mundo do FinNews desta manhã.

Quer aprender a investir no exterior? Confira estes dois módulos grátis e faça seus investimentos

EUA
Após três altas seguidas, os índices futuros americanos apontam para uma abertura mais fraca nessa quinta-feira. O grande foco do dia deve ficar com dados de inflação no país referentes a agosto e dados de emprego. No noticiário político, o destaque fica com discussões entre os republicanos e os democratas sobre a questão de imigrantes no país, com a expectativa de que sejam feitos novos acordos relativos ao tema entre os dois partidos.

Europa
Os mercados europeus têm desempenho negativo nesta quinta-feira, com o Stoxx 600 operando na estabilidade pela manhã (horário de Brasília). No Reino Unido, o FTSE 100 cai 0,81%, enquanto na Espanha o recuo do IBEX 35 é de 0,58%. Na Alemanha, o DAX 30 perde 0,26% e, na França, o CAC 40 oscila 0,03% para baixo.

O destaque do dia no continente fica com a decisão do Banco da Inglaterra de manter a taxa de juros no país e seu programa de Quantitative Easing, mas acompanhada do alerta de altas de juros mais rápidas do que o mercado vem precificando no momento atual. Dados econômicos mais fracos vindos da China, por sua vez, prejudicam mineradoras como a Rio Tinto (RIO.L), por exemplo.

Ásia e Oceania
Os mercados da região foram impactados negativamente com os dados de investimento, produção industrial e varejo mais fracos que o esperado na China. Os benchmarks de Shanghai e Shenzhen fecharam com quedas de 0,38% e 0,07%, respectivamente, enquanto em Hong Kong a queda do Hang Seng foi de 0,42%. Na Austrália, o ASX 200 caiu 0,1% e, no Japão, o Nikkei perdeu 0,29%. Já na Coreia do Sul, o Kospi foi contra a tendência e ganhou 0,74%.

Dê a sua opinião!

0 0
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.procoders.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.